terça-feira, 22 de janeiro de 2013

Pudim de Ovos e uma Recordação

Para sempre

"Porque Deus permite
que as mães se vão embora?
Mãe não tem limite,
é tempo sem hora,
luz que não apaga
quando sopra o vento
e chuva desaba,
veludo escondido
na pele enugada,
água pura, ar puro,
puro pensamento.

Morrer acontece
com o que é breve e passa
sem deixar vestígio.
Mãe, na sua graça,
é eternidade.
Porque Deus se lembra
-mistério profundo-
de tirá-la um dia?
Fosse rei Rei do Mundo,
baixava uma lei:
Mãe não morre nunca,
mãe ficará sempre
junto de seu filho
e ele, velho embora,
será pequenino
feito grão de milho".

(Carlos Drummond de Andrade)


Quem não gosta de mimar os entes queridos?! 
Pois, foi o caso deste pudim :)) foi feito pela altura do Natal, pela minha mana Fati, para agradar o meu pai, já que esta é a sua sobremesa preferida :) e consta do livro de receitas da minha mãe. 
Fica com uma textura muito macia e deliciosa. 

Ingredientes:

para o pudim:
1 taça de ovos
1 taça de leite
1 taça de açúcar
1 laranja (ou limão)

para o caramelo:
1 taça de açúcar
2 colheres de sopa de água


Preparação:
Faça o caramelo: Coloque o açúcar e a água numa frigideira, deixe ferver até caramelizar até atingir a cor desejada. Nesta altura, junte com cuidado mais uma ou duas colheres de sopa de água para parar o processo.
Deite este caramelo numa forma de pudim (que tenha tampa), rodando para caramelizá-la por completo e reserve
Prepare o pudim: Coloque os ovos numa taça e a respetiva medida de leite, açúcar e a raspa da laranja. Bata ligeiramente e deite na forma que caramelizou. Tampe bem a forma.
Leve a cozer em lume brando, num tacho tapado em banho maria.
Após 45 minutos verifique se o pudim já está cozido (faça o teste do palito) e retire-o do tacho.
Deixe arrefecer na forma e depois coloque no frigorífico.
Desenforme no momento de servir.
Nota: este pudim torna-se mais saboroso feito de véspera.




Deliciem-se... e bom apetite!

22 comentários:

  1. Todos nòs gostamos de mimar quem amamos incondicionalmente! Com certeza que o teu pai adorou este pequeno mimo.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  2. Que pudim tão bom!!! Não acredito que voltaste com mais umas delícias doces para nos tentares :)

    Beijinhos*

    ResponderEliminar
  3. Uma delicia! Um excelente mimo para quem amamos!
    Bjs
    Paula

    ResponderEliminar
  4. E quem não fica contente com um presente docinho???È sempre uma boa oferta!
    Bjoka
    Rita

    ResponderEliminar
  5. Um clássico sempre delicioso e apreciado!!
    Beijinhos grandes,
    Lia.

    ResponderEliminar
  6. Tem realmente um aspecto delicioso, que maravilha!

    ResponderEliminar
  7. Olá.
    Bem este pudim está espetacular...com uma cor maravilhosa, e mostra a estar muito cremoso.
    Comia uma boa fatia dessa delicia.

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  8. Adoro pudins e este ficou lindo ,gostei da cor.
    bjs

    ResponderEliminar
  9. Que pudim maravilhoso Isabel, devia estar delicioso:)

    Beijinhos,
    Joana

    ResponderEliminar
  10. Eu adoro pudins!
    E comer feito com carinho e com significado é bem melhor! :)*

    ResponderEliminar
  11. Lindo poema...
    A vida é feita de recordações!
    Fica a saudade de quem partiu antes, muito antes do suposto...
    Saudade dolorosa e cheia de recordações, às quais nos agarramos para todo o sempre e aos nossos vamos transmitindo, recordando a ternura imensurável da Mãe.
    Parabéns a esta "Mãe Linda e Inesquecível" e parabéns a ti também, por a escolha deste poema.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada :)
      Foi uma forma de recordar alguém muito importante nas nossas vidas, aliado ao amor que este pudim nos transmite
      bjns
      Belinha

      Eliminar
  12. Querida,

    Fabulosa a cor desse pudim que a Fati preparou para o Pai !
    Um miminho encantador que decerto ele terá Adorado, especialmente porque é da Mãe !
    As Mães nunca deveriam partir, NUNCA ! :(

    Estive a ver como é que a Fati o fez e como a Mãe o preparava... a medida da taça... dantes era muito assim, não havia cá outro tipo de acessórios !

    Adorei Belinha, especialmente pelo Carinho e Amor que encerra ! :)

    Beijo grande, querida ! :)

    Isabel
    www.blogdochocolate.com
    http://brisa-maritima.blogspot.pt


    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Querida amiga,
      É mesmo verdade, as mães não deveriam partir nunca :( o vazio fica para sempre...
      O meu pai sempre gostou deste pudim e tanto eu como a minha mana, tentamos fazê-lo de vez em quando.
      Obrigada pelo eu carinho <3
      Bjns
      Belinha

      Eliminar
  13. Adoro pudins e o teu está lindissimo.
    O teu pai deve estar orgulhoso.
    Kiss, Susy

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Susy,
      O meu pai é um guloso e, este pudim além de ser delicioso, contém boas recordações.
      Bjns
      Isabel

      Eliminar
  14. Que pudim apetitoso!!! Tem uma cor fantástica :)
    Beijinho doce e boa semana :)

    ResponderEliminar
  15. Obrigada pelas vossas palavras :)
    Bjns
    Isabel

    ResponderEliminar
  16. Que tentação! Ficou lindo!
    Beijinhos
    http://sudelicia.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  17. Que pudim perfeito e bonito, deve ser uma tentação!
    Beijinhos

    Mariana

    Obrigada por teres deixado um miminho no aniversario do blog.

    ResponderEliminar