quarta-feira, 1 de janeiro de 2014

Filhoses de Flor da Minha Mãe



"Dia Um... Na Cozinha" Uma Iguaria de Natal!!

Esta é a 8ª edição deste maravilhoso evento e como não poderia deixar de ser, o mote é dado pela quadra natalícia.
Nesta edição pede-se uma iguaria de natal que de alguma forma tenha muito significado para nós, que encerre recordações e que esteja sempre presente na nossa mesa, nesta quadra.



Eu gosto do natal!
Gosto dos momentos felizes passados em família, da cumplicidade, do carinho e do amor que nos une, do calor do meu lar.
Mas o natal cria em mim estados intensamente contraditórios, um verdadeiro carrocel de emoções.
Se por um lado é alegria, união, partilha, amor, família... por outro é tristeza, recordação, dor e uma profunda saudade... 
É uma época em que experimento um turbilhão de sentimentos, quase todos em simultâneo e se não a antecipo no tempo, também anseio que termine depressa.

Todos os natais a minha mãe fazia estas filhoses, ficavam deliciosas, lindas e perfeitas como tudo o que ela fazia. Nós admirávamos o formato em flor e gostávamos do seu sabor doce e crocante. Enquanto a minha mãe as fritava, eu passava por açúcar e canela e claro que algumas nem chegavam à travessa :)
Adorava comê-las assim, ainda quentinhas :)
Havia muitas outras iguarias na mesa de natal, mas esta foi a que mais me marcou e que mais recordações me traz.

Sei que há muitas receitas destas filhoses, mas esta é a da minha mãe, a que está escrita por ela no seu livro de receitas e que eu tento sempre fazer na esperança de reencontrar o sabor "agarrado" às minhas memórias.

À minha maneira continuo a gostar do natal!



Desejo-vos que cada pratinho se encha de sonhos e que o ano de 2014 os realize




Para quem quiser aderir a este grupo, poderá fazê-lo em https://www.facebook.com/groups/181929905314399/ (página do grupo no facebook) e começar já a participar nas próximas edições.




Ingredientes:
3 ovos
1/2 cálice de aguardente ou vinho do porto
2,5dl de leite
200g de farinha

óleo para fritar
açúcar e canela misturados

Preparação:
Numa tigela bata os ovos com o leite, acrescente a aguardente ou vinho do porto e bata.
Junte depois a farinha peneirada e misture bem até ficar com um creme uniforme e não muito grosso.
Numa frigideira deite óleo, mergulhe a forma (com o formato que preferir) e deixe aquecer bem. Retire-a, escorra o excesso de óleo (este passo é importante para que a massa se agarre melhor) e mergulhe a forma na massa só até metade, sem cobrir, senão a massa depois não se despega.
Volte a colocar a forma no óleo sem tocar no fundo e abane um pouco para que a massa se liberte. Deixe fritar até ficarem douradinhas e retire.
Repita este processo a cada filhós, até que a massa termine.
Vá colocando as filhoses fritas num prato com papel absorvente, para escorrer o excesso de óleo.
Depois passe-as pela mistura do açúcar e canela e ponha-as no prato ou travessa de servir.
Estão prontas a comer, quentinhas e crocantes como eu gosto :)






Deliciem-se... e bom apetite!

26 comentários:

  1. Que lindas!!!
    Um ano novo recheado de coisas boas!
    Beijinhos,
    http://sudelicia.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  2. Querida amiga Isabel, o Natal tal como tu afirmas é um misto de alegria e saudade, que temos de conseguir ultrapassar.
    Por vezes, resta-nos estas deliciosas recordações, que nos aquecem a alma e aquecem o coração.

    As tuas filhoses focaram lindas, por aqui há quem lhe chama coscorões, no entanto não são as que mais aprecio.

    Um Bom Ano, esperança em dias melhores, sonhos transformados em realidade é isso que todos queremos.

    Um Beijinho
    Paula

    ResponderEliminar
  3. São iguais às que a minha mãe fazia, Isabel... a mesma forma de flor, lindas e estaladiças!
    Beijinhos, querida, um excelente 2014 para ti e para os teus!

    ResponderEliminar
  4. Ficaram lindas, Isabel :) Um 2014 recheado de alegrias e doçura! Bjinhos.

    ResponderEliminar
  5. Ola minha linda loirinha!!!

    As recordaçoes sao sempre o melhor que temos na nossa vida... tantas lembranças... tantas coisas boas... tantos sabores que tentamos recriar... mas falta sempre aquele toque de alguem que nos amamos!!

    As tuas filhoses ficaram lindas e com um aspeto simplesmente maravilhoso... ehehehe parece que combinamos as duas é que ate a forma é igual!!!

    Minha querida... que 2014 seja um ano repleto de coisas boas, mas acima de tudo paz, saude e muita felicidade!!!

    Beijocas

    Margarida

    ResponderEliminar
  6. As filhós de forma ficam sempre lindas!
    Bom Ano Novo!
    Que seja bem próspero e carregado de saúde e felicidade :)

    ResponderEliminar
  7. Que lindas filhoses e devem ser tão saborosas!

    ______________________
    Ana Teles | Telita
    blog: Telita na Cozinha

    ResponderEliminar
  8. Ficaram linda Isabel! Este ano não consegui fazer, adoro como ficam estaladiças :)
    Beijinho doce e feliz 2014!

    ResponderEliminar
  9. A minha mãe também costuma fazer, ficam sempre tão boas, e não há como as dela, bjokas

    ResponderEliminar
  10. Em casa da minha mãe também fazíamos às vezes... boas memórias!
    Beijinhos e bom ano!

    ResponderEliminar
  11. Isabel, o Natal é mesmo isso, um misto de felicidade e tristeza. Mas estas recordações valem ouro, e resultam em maravilhas como estas filhoses lindas que nos trouxeste!
    Beijinhos e feliz 2014!

    ResponderEliminar
  12. Olá Isabel
    As tuas filhoses de forma ficaram bem bonitas, a minha mãe também tentou fazer mas foram todas para o lixo ;-) acho que é a forma dela que não é boa e a massa não desolava da forma

    Beijokas e um bom ano

    ResponderEliminar
  13. Eu também gosto muito do Natal! Nesta altura recordo sempre os bons momentos passados com a família e amigos.
    As tuas filhoses ficaram com muito bom aspecto e devem ser bem saborosas. Afinal, as receitas das mães nunca falham.
    Votos de ano repleto de saúde, paz, amor e muito sucesso!
    bjs

    ResponderEliminar
  14. Se é receita da mamã é uma receita fantástica...nada como as mãos habilidosas e experientes das mães.
    Que boas devem ser! Excelente sugestão para esta altura!
    Feliz 2014
    Beijinhos

    Sílvia
    http://bocadinhosdeacucar.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  15. Olá Isabel, como eu te compreendo,pois eu também escolhi fazer estas filhoses e pelos mesmos sentimentos, saudades da minha mãe!
    Bom Ano 2014!
    Beijos

    ResponderEliminar
  16. Olá Isabel!
    Eu revi-me um pouco neste post, não pelos filhoses, que têm muito bom aspecto, mas já lá vamos. Revi-me porque tal como tu, também eu nesta quadra vivo um turbilhão de emoções. O Natal, tal como dizes é feito de bons momentos passados em familia, cumplicidade, amor, mas desde há 16 anos atrás que, no mês de Dezembro eu vi "partir" a minha mãe e desde então o Natal nunca mais foi o mesmo. òbvio que o tento viver com a familia mas sempre com a sensação de que falta ali algo, alguém... e depois sinto essa saudade de que falas...
    Quanto aos filhoses ficaram lindos e se a receita é da mãe, de certeza que são divinais, pois certamente foi uma receita feita vezes sem conta e nunca falhou. Eu experimentei fazer uma vez estes filhoses, tenho por aqui algures uma forma guardada, mas correu tão mal que nunca mais tentei. Um dia hei-de fazer. ;)
    Beijinho e que este ano seja muito doce, um ano de vitórias e muito sucesso. ;)

    ResponderEliminar
  17. Olá Isabel,

    também gosto do Natal e e tudo que ele envolve mas também existe a saudade de quem já não cá está.
    Tenho a forma para as fazer mas só fiz uma vez são bastante trabalhosas, mas tenho que voltar a fazer, ficaram lindas e deliciosas.
    Um bom ano com muito amor, paz e saúde.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  18. Ficaram maravilhosas as tuas filhoses de forma querida
    Ai que vontade de comer uma... ou dua... ou três!!! É melhor parar, porque já estou com água na boca
    Beijinhos e um bom ano
    Lúcia

    ResponderEliminar
  19. Muitos beijinhos, Isabel. No Natal há sempre alguém que nos faz mais falta. No meu caso é o meu pai, tenho tantas saudades dele. Tenro sempre que as terríveis saudades não me façam esquecer quem tenho a meu lado, a minha mãe e o meu marido. Um carrosel de emoções, como tão bem lhe chamas. Tenho a certeza de que as tuas filhós estão uma delícia.
    Um bom 2014 :)

    ResponderEliminar
  20. Revi-me no seu texto... Sempre adorei o Natal mas desde que o meu pai "partiu"tudo mudou... No ano passado tentei arranjar forças porque o meu filhote estava para nascer e neste Natal, pelo e com o meu filho, celebrou-se o Natal! Mas, mesmo no meio da alegria de o ver a "saltitar" por entre os presentes, havia sempre uma tristeza, uma saudade.
    Beijinhos e que 2014 nos dê a força que precisamos!!!

    ResponderEliminar
  21. Olá Isabel: embora seja uma época de que gosto particularmente, a verdade é que a "magia" de outros tempos há muito que se foi. No entanto e tal como tu, gosto das reuniões familiares, do riso e cumplicidades que se criam. Claro que há sempre também a saudade daqueles que já se foram.
    Passando às tuas lindas filhoses, estão simplesmente perfeitas!! Adoro estes fritos que cá, pelos Açores, são feitos pelo Carnaval. Acreditas que tenho a forma,mas nunca as fiz?? Quem faz sempre é a minha irmã. Vamos lá a ver se é este ano que começo . Vou guardar a tua receita e quem sabe se não saem assim tão lindas como as que fizeste?
    Bjn
    Márcia

    ResponderEliminar
  22. tb gosto mt as tuas elas estao 5* ja comia uma hehe bjs bom ano bfs

    ResponderEliminar
  23. Querida Amiga,

    Sabes o que penso acerca do Natal... :)
    Já falámos acerca do assunto... não é que não goste do Natal, não...aliás tenho recordações muito belas no antigamente, mas tal como eu escrevi na minha publicação, há muito que se perdeu o espírito natalício que fez os meus olhos brilharem tantos e tantos anos !
    O interesse comercial que se incutiu à época fez-me, cada vez mais, desejar que passe depressa, bem depressa... além do que, tal como tu, sinto a falta de quem já se foi e deixou o lugar na mesa vazio... :(
    Mas adoro ter a minha familia perto de mim nessa noite, as Mães, porque os dois Pais já partiram... :(
    E adoro as tuas filhozes de forma, tão perfeitinhas, com uma cor tão linda e envoltas num carinho profundo transmitido numa receita antiga da Mãe! :)
    A Mãe esteve contigo na noite de Natal ! Podes ter a certeza absoluta disso, querida ! :)
    Sabes o quanto Eu gosto de Ti, por isso mesmo sabes o quanto te desejo tudo de Bom para este Ano que ainda agora começou !
    E no que nos diz respeito, os meus votos são para que possamos juntas continuar a adubar esta linda Amizade para que as raízes que já são fortes, engrossem ainda mais e possam suportar qualquer obstáculo que possa aparecer ! :)

    Um Beijinho GRANDE...
    Um Abraço FORTE...

    Isabel

    ResponderEliminar
  24. Estas filhós ficam muito bonitas e super leves, este ano também fiz.
    Bjs,Susana

    ResponderEliminar